segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Vermifugos: use com critério

Faz algum tempo encontrei uma senhora, e falando sobre cães ela comentou comigo que vermifugava seu cãozinho 2 vezes por ano. Detalhe: é um cão de apartamento, se alimenta com ração e só sai prá passear, fazer coco e xixi na coleira.
Eu perguntei: ele tem algum sintoma de infestação ??? como:


·               Abdômen inchado (típico nos filhotes infestados)
·               Diarréia, ou coco mais mole ou com sangue
·               Presença de vermes nas fezes
·               Flatulência (que no caso de vermes é mais fedido)
·               Emagrecimento progressivo
·               Esta tentando morder o anus ou arrastando a bunda no chão (favor não confundir prurido no anus com dor na região anal, que no caso de cães macho  é sinal de problemas nas glândulas ad’anais ou próstata!)
E mais:
A senhora deixa ele fuçar coco de outros animais ou o chão e a grama  quando passeia com ele? Ao que ela respondeu que não.
Precisamos todos saber que vermes não tem geração espontânea, para que a infestação ocorra os cães ou gatos devem se contaminar, como??? ingerir ovos, oocistos (um tipo de ovo protegido por uma capa) ou larvas, é a via oral, ou ainda quando ingere o hospedeiro intermediário, como uma pulga contendo ovos.
Larvas podem penetrar pela pele, na via percutânea, mas somente se o cão vive ou transita frequentemente em locais onde vivem cães infestados e de higiene precária.
Outra via de contaminação é a mãe, pela via intrauterina, ou pelo leite na amamentação (via galactogenica). É comum encontrarmos filhotes contaminados de mães que nunca apresentaram sintomas ou que tomaram vermífugos antes e durante a gestação, porque???
O que na verdade acontece é que, quando um cãozinho adquire verminose, a maior parte vai para o intestino onde os vermes causam o quadro verminótico. Entretanto, algumas destas larvas dos vermes irão para a musculatura do cão e permanecem por lá por longos períodos. Se este cãozinho for um macho, essa larva permanecerá na musculatura e não se desenvolverá; entretanto, se esse cãozinho for uma fêmea, quando esta cruzar e ficar prenhe, pela própria alteração hormonal que irá ocorrer no organismo da fêmea, essas larvas serão ativadas e, desta forma, irão contaminar os filhotes diretamente no útero ou através da amamentação. Deste modo, um novo ciclo irá se iniciar!!!
Devemos também lembrar que as mães vivem em contato íntimo com seus filhotes e são responsáveis pela sua higiene. Assim sendo, os próprios filhotes acabam contaminando as mães! 
Lembrei de outra conversa, quando fiz pós-graduação no Laboratório de Parasitologia Veterinária da UFPR comentei com minha orientadora sobre a necessidade de desverminação periódica dos animais ao que ela respondeu – que eu fizesse um exame de fezes antes de dar o medicamento porque:
Vermifugos são uma bomba para o fígado!!!!!!
Realmente, se lembramos que é uma droga feita para matar um ser, mesmo que especifica, não é uma balinha de hortelã! e que todas as drogas e venenos são metabolizados no fígado, portanto submeter este órgão de 6 em 6 meses a esta agressão, a toa???? Principalmente se for um cão ou gato idoso.!
O melhor seria fazer exames de fezes mesmo, como fazemos com os humanos (com exceção de algumas cidades de Minas Gerais, onde é uma espécie de costume popular tomar vermífugo, eles até perguntam – Já tomou seu vermífugo este ano???!!!) Por que este serviço não esta disponível para os  cães e gatos??? Ah! Caro leitor devido a lavagem cerebral gentilmente oferecida pela indústria farmacêutica e os veterinários!!! É muito mais fácil abrir a boca do bicho e enfiar um comprimido, do que fazer um exame, e dane-se o fígado do coitado!
Por último caso seu cão seja um filhote, ou mesmo um adulto com sintomas comprovados, ao administrar o vermífugo, leia a bula, pois alguns medicamentos não matam os ovos, somente as larvas, então uma nova dose deve ser dada 15 dias após a primeira (tempo dos ovos virarem larvas!).
E lembre-se:  use com critério!!!

2 comentários:

  1. Adorei o seu comentário.Concordo com tudo o que vc escreveu.Você é realista e pelo jeito ama de fato os animais.
    Parabéns.

    ResponderExcluir
  2. Adorei o seu comentário.Concordo com tudo o que vc escreveu.Você é realista e pelo jeito ama de fato os animais.
    Parabéns.

    ResponderExcluir